sexta-feira, 29 de julho de 2016

UM AMOR PARA RECORDAR: DIFERENÇAS ENTRE O LIVRO E O FILME

SINOPSE: “Cada mês de abril, quando o vento sopra do mar e se mistura com o perfume de violetas, Landon Carter recorda seu último ano na High Beaufort. Isso era 1958, e Landon já tinha namorado uma ou duas meninas. Ele sempre jurou que já tinha se apaixonado antes. Certamente a última pessoa na cidade que pensava em se apaixonar era Jamie Sullivan, a filha do pastor da Igreja Batista da cidade. A menina quieta que carregava sempre uma Bíblia com seus materiais escolares. Jamie parecia contente em viver num mundo diferente dos outros adolescentes. Ela cuidava de seu pai viúvo, salvava os animais machucados, e auxiliava o orfanato local. Nenhum menino havia a convidado para sair. Nem Landon havia sonhado com isso. Em seguida, uma reviravolta do destino fez de Jamie sua parceira para o baile, e a vida de Landon Carter nunca mais foi a mesma.”


Landon tem 17 anos, está terminando o ensino médio, não tem muitos planos para o futuro e tudo o que quer naquele ano é diversão e poupar-se dos trabalhos escolares. É um rapaz como outro qualquer na sua idade, gosta de se divertir com seus amigos e não é de assumir compromissos com a vida. Sua começa a se transformar completamente quando se aproxima de Jamie, sua colega de escola, uma garota também de 17 anos. Jamie é uma menina muito diferente das outras, de hábitos simples, mas estranhos para algumas pessoas. É muito reservada, carrega sempre consigo uma bíblia, salva os animais da rua e ajuda o orfanato da cidade. Foi criada pelo pai, um reverendo, que foi quem lhe ensinou a palavra de Deus. Como estão no último ano do ensino médio, os alunos são escolhidos para apresentar uma peça de teatro retratando o significado do natal e um dos papéis principais será encenado por Jamie. Landon, para fugir das obrigações escolares, decide se inscrever nas aulas de artes dramáticas, pensando que não terá muito o que fazer. Mais tarde Jamie o convida para contracenar com ela os papéis principais da peça. Ele definitivamente não quer nada daquilo, mas não resiste às suplicas de Jamie que queria que a peça fosse especial naquele ano. 


Landon que até agora não tinha tido nenhum contato com Jamie, apesar de sempre estudarem juntos, se vê numa situação desconfortável, tanto pelo o fato de não querer manter-se ocupado e também por está próximo de Jamie, uma garota vista como estranha pelos colegas da escola. Mas mesmo assim Landon cumpre sua promessa e assume o papel na peça. Quanto mais a conhece, mais sua opinião a respeito de Jamie, muda. Tudo corre perfeitamente bem com a peça, enquanto isso Landon e Jamie se envolvem ainda mais. Enfim, chega o dia da apresentação e no momento da entrada de Jamie, Landon a vê como nunca tinha visto antes e nesse momento ele percebe que está apaixonado. A partir dai começa uma série de transformações em sua vida, ele começa a namorar Jamie e ela lhe mostra um mundo desconhecido para ele, o mundo do amor, do respeito, do carinho e da solidariedade. O amor dos dois cresce a cada dia, ambos estão em plena sintonia, descobrindo um com o outro a beleza do amor. Infelizmente essa magia não deve durar muito porque Jamie revela que está muito doente e que tem pouco tempo de vida. Landon de repente perde o chão e a partir daí passa a dedicar sua vida em tornar os últimos dias de Jamie os melhores possíveis.


Primeiro eu vi o filme e depois li o livro. Gosto mais do filme, mas o livro foi minha introdução aos livros do Nicholas Sparks e a partir dele comecei a ler outros do autor. Mas hoje vamos falar sobre as diferenças entre o filme e o livro.


O Landon do livro não é tão “mal” quanto o do filme, no livro ele não é esse bad boy, suas notas são razoavelmente boas, ele vai até o cemitério sim, mas só para ficar conversando com os amigos e não pra ficar vadiando e cometendo crimes como no filme. No filme ele trata a Jamie pior, no livro ele se importa com ela, mesmo tendo essa impressão passada por todos da garota nerd religiosa. Até por isso sua mudança é mais intensa e drástica, o que é algo positivo. A reconciliação dele com o pai também é mais forte que no livro. A Jamie também foi mudada, no filme a Jamie é cheia de atitude, bate de frente com o Landon várias vezes e não tem todo aquele jeito inocente do livro. A Jamie de Nicholas Sparks não tem um interesse específico pelas estrelas e pela astronomia que a Jamie que Mandy Moore vive tem.


Já no começo do filme é visível a diferença, pois no livro nem existe aquela cena do acidente causado por Landon e seus amigos.  No filme, a Jamie tem uma lista de coisas que quer fazer antes de morrer, e o Landon acaba realizando todas elas. Isso não existe no livro, mas esse foi um bom acréscimo, rendeu cenas lindas. Por outro lado, o filme tirou a cena quando o Landon fica com a Jamie no orfanato cuidando das crianças e acaba lhe dando um blusão de presente de natal. No filme ele também dá o presente, mas é na varanda da casa dela. A peça de teatro também é toda mudada, no livro Jamie é um anjo, enquanto no filme ela é uma garota de cabaré. No filme, a Jamie dá para o Landon um caderno onde sua mãe escrevia, e não a Bíblia da sua mãe.


E há mais diferenças: O livro se passa em 1958. Landon não é popular, ele é aquele perdedor que é melhor amigo do cara popular e vive a sua sombra. Os pais de Landon são casados, seu pai é político. Jamie passa os almoços lendo a bíblia. Já o filme se passa em uma época recente. Landon é o cara popular, ele parece ser o líder do grupo. Os pais dele são divorciados, e o pai é médico. Landon e Jamie, por exemplo, se aproximam de uma forma bem diferente: no livro ele a convidada para ir ao baile em homenagem aos ex-alunos da escola, enquanto no filme há uma série de acontecimentos até eles se aproximarem, como o fato dele a procurar para lhe pedir ajuda com a peça. Peça essa que é sua "detenção" pelo acidente ocorrido nas docas, lembram? Pois bem, no livro Landon se inscreve por livre e espontânea vontade para as aulas de teatro a fim de escapar de outras disciplinas às quais ele não tem afinidade, mas quando é o escolhido para o papel principal também tem a peça como sua "detenção". No livro Jamie e Landon liam a bíblia juntos. No livro há um baile, mas não parece ser um baile daqueles de filme adolescente, o que acontece lá é bem legal. No livro, não há aquela brincadeira horrível que fizeram com a foto da Jamie, mas da a entender que ela sempre foi muito zoada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com o Facebook: