terça-feira, 16 de agosto de 2016

ENTREVISTA COM PRISCILA BARONE, AUTORA DE PERNA DE MAGIA

SINOPSE: Toni Maro é um jovem com uma doença incurável, problema que lhe ocasionou a perda de uma das pernas. Com o uso da magia, uma antiga arte esquecida no mundo de Novea, ele é capaz de recriar uma perna de pura energia. Mas a doença continua avançando, ameaçando sua vida. Lutando contra o tempo e sem melhores opções, Toni embarca junto com sua irmã Renata numa jornada incerta em busca de um gênio, o ser mágico que segundo a lenda, concede um único desejo a quem o convocar. Os irmãos contarão a ajuda de uma companheira misteriosa, Irene, a Dragoa das Águas, cujas intenções dúbias levantam dúvidas quanto ao seu caráter. Quando Toni descobre que Elias, um mago milenar, também está atrás do gênio, pode ser tarde demais.



Como surgiu a ideia de escrever "Perna de Magia"? Hummmm... Eu queria escrever a história de uma pessoa deficiente, mas não uma história de superação. Uma onde esse indivíduo fosse tratado da mesma forma que qualquer um. Ao mesmo tempo, quando decidi que essa pessoa seria um homem (Toni Maro, o Perna de Magia) imediatamente quis desenvolver uma dinâmica onde ele convivesse constantemente com duas mulheres fortes. Mostrar que é perfeitamente possível um cara não se sentir intimidado por mulheres decididas.

Quanto tempo demorou para a história ficar pronta? Uns 3 longos anos.

O que o leitor pode esperar de "Perna de Magia"? Muita fantasia, seres fantásticos inéditos (nada de elfos, anões, lobisomens e vampiros). Mulheres que lutam (adoro). Muitas aventura e ação.

Qual autor ou autora é seu preferido? Eles de alguma maneira te inspiraram a escrever? Sempre gostei muito de Stephen King e Agatha Christie. Foi através deles que fui tomando gosto pela leitura. Fazendo uma mistura louca com o que aprendi com eles e mais animes e mangás, surgiu essa miscelânea que eu gosto de escrever.

Se "Perna de Magia" pudesse ter uma trilha sonora qual música você escolheria? Tem várias músicas que escutei para escrever Perna... Eu funciono assim: se for uma cena de batalha, músicas grandiosas me ajudam a escrever. Se a cena for triste, uma musiquinha lenta... Coloco duas indicações aqui do que estava sempre ouvindo para escrever:
Você segue carreira apenas como escritor ou tem outra profissão? Tenho outra profissão sim. Sou bancária. 

Deixe uma mensagem para nossos leitores: Obrigada por me lerem até aqui, hehehe! Se quiserem me dar algum feedback dos meu trabalhos, ou simplesmente trocar uma ideia sobre escrita, podem me adicionar no Facebook ou twitter (@lilith_li). Ou mesmo mandar mensagem via Wattpad mesmo! Sou toda ouvidos! 

Priscila Barone tem 33 anos e é de São Paulo.

PARA LER "PERNA DE MAGIA" CLIQUE AQUI!


2 comentários:

Comente com o Facebook: