quarta-feira, 3 de agosto de 2016

ENTREVISTA COM TATIANE JUSTINO, AUTORA DE O QUE A VIDA ME ROUBOU

SINOPSE: Adriana era uma jovem que tinha tudo pais que amavam, amigos, um namorado que ela amava, popularidade. Mas se a vida lhe roubasse tudo aquilo que ela tinha? Se ela do dia para noite estivesse completamente sozinha? E como seria descobrir  que aquelas pessoas que ela achava que podia confiar na verdade nunca se importaram a amaram de verdade? Ela vai descobrir que a vida não é fácil mas também irá descobrir a força que possuia para passar por tudo e continuar lutando. Guilherme, um homem frio, que há muito tempo se isolou do mundo e vive apenas para cuidar de sua filha Luna fruto de um grande amor que foi a vida lhe roubou um dia. Quando os caminhos desses dois se cruzarem será Adriana capaz de mostrar para ele que ainda está vivo e não apenas sobrevivendo? Dois corações quebrados poderiam amar e confiar novamente? A vida vai com certeza reservar grandes surpresas para esses dois. "É quando tudo parece o fim que a vida nos surpreende e nos mostra o caminho a seguir."


Como surgiu a ideia de escrever “O que a vida me roubou”? Eu tenho depressão e descobri na leitura uma forma de me refugiar. Sempre que as coisas estavam mais difíceis de suportar era para os livros que eu corria e através desse mundo mágico dos livros surgiu em mim a vontade de escrever. Eu acho que ser escritor é um lindo dom porque através dos livros a gente pode abordar vários assuntos e pode tocar o coração do leitor através deles. Um dia eu estava conversando com a minha amiga/irmã a autora Stela Silva e disse pra ela sobre a minha vontade de escrever e ela com todo o seu carinho me incentivou a começar. E nesse dia surgiu o meu livro: O que a vida me roubou.

Quanto tempo demorou para a história ficar pronta? O meu livro ainda está em andamento no Wattpad, mas já tenho bastante capítulos adiantados.

O que o leitor pode esperar de “O que a vida me roubou”? Quem ler “O que a vida me roubou” vai encontrar uma história de uma personagem que tinha uma vida "perfeita", mas que acaba perdendo tudo o que mais ama. Mas ela não se coloca no lugar de vítima, mesmo com tudo o que ela terá que passar ela aprenderá que é na adversidade que somos aperfeiçoados. Cada personagem do livro tem a sua própria perda, a sua própria dor. Mas isso não os torna prisioneiros e sim guerreiros por não se deixar vencer pela adversidade. A cada capítulo eu tento passar algo de bom nele, algo que permita ao leitor se inspirar. Eu não quero que o meu livro seja apenas um depósito de lamentos, mas sim um romance que motive o leitor, que o permita se emocionar, se divertir e se apaixonar.

Qual autor ou autora é seu preferido? Eles de alguma maneira te inspiraram a escrever? Eu tenho duas autoras preferidas. A Stela Silva que escreve com o coração e é impossível não se emocionar com as suas histórias. E a autora Evelyn Santana, que me conquistou com o seu livro Doce Amargo. Elas me inspiram através da emoção que passam através dos seus livros.

Se “O que a vida me roubou” pudesse ter uma trilha sonora qual música você escolheria? Se o meu livro pudesse ter uma trilha sonora eu daria a música O Cheiro das Águas - Diante do trono. Essa música é linda e pra mim representa superação. E é esse o significado que “O que a vida me roubou” tem pra mim. 
Você segue carreira apenas como escritor ou tem outra profissão? Eu sou apenas dona de casa e mãe de uma princesa, não trabalho no momento em nada além do meu livro. 

Deixe uma mensagem para nossos leitores: Primeiramente eu gostaria de te agradecer Rodrigo Fonseca pela oportunidade que você me deu de poder está aqui falando do meu livro! E a vocês leitores do Blog vitamina L, eu não sei qual é a história de vocês... Mas sei que cada um carrega consigo sua própria luta e é nas muitas vezes quando estamos fracos que nos tornamos fortes. Não é a força física que nos torna fortes, mas sim a força que existe dentro de cada um de nós. E é essa força que nos impulsiona a buscar os nossos sonhos. É ela que não nos permite ficarmos paralisados diante dos nossos problemas, é ela que transforma uma pessoa depressiva que só queria se cortar e morrer em uma aprendiz de escritora. E sabe que nos dá essa força? Deus! É ele que nos mantém firme porque como um pai ele quer nos ver lutar e sermos felizes. Foi Deus que colocou  Guilherme e Adriana no meu coração e é através deles que quero passar algo bom para os meus leitores. Para quem tem um sonho seja qual for ele, ser escritor, arquiteto, médico, etc,  eu deixo uma frase que amo para vocês: "Recuar só se for pra pegar impulso”.

Tatiane Justino tem 27 anos e mora em Massachusetts - EUA.

PARA LER "O QUE A VIDA ME ROUBOU" CLIQUE AQUI!


29 comentários:

  1. Tati! Que entrevista mais linda. Meus parabéns. ♡♡♡
    Obrigada por citar meu nome ali e por todo o carinho. Sucesso pra você. ♡♡♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entrevista linda mesmo, Tatiane é uma guerreira!

      Excluir
  2. Tatiane, amei sua entrevista. Meus parabéns, você merece todo esse sucesso, e estou louca para ler sua historia. Estou feliz por você viu. Beijos❤❤❤

    ResponderExcluir
  3. Respostas
    1. Nós também te parabenizamos e desejamos sucesso!!!

      Excluir
  4. Amei tati... Super me emocionei com as suas palavras. Vc é uma linda!! E me ajudou muito a superar uma fase ruim no meu casamento! Hj estou muito feliz... Meu casamento esta indo super bem. Graças a vc que me deu as palavras certas e os conselhos melhores do mundo!!! Não te conheço pessoalmente.. Mas pra Mim vc é uma super amiga. É como eu te conhecesse a anos. Desejo todo sucesso do Mundo a vc. Vc merece!!! Beijos

    ResponderExcluir
  5. Todo sucesso do mundo para essa escritora linda ! Belo livro e bela entrevista !

    ResponderExcluir
  6. Nossa como não me emocionar ao ver como as pessoas estão percebendo o quanto você e linda e especial, eu não sou boa com as palavras e não é fácil dizer o quanto te amo e me orgulho de você. enfim você esta começando sua jornada como escritora, cada vezes mais se aprimorando, você é dedicada e sei que vai ser uma grande escritora ainda, apesar de que para mim você já é a melhor do mundo! estou amando os seus livros e amo o fato de você ter me homenagear dando o meu nome a personagem principal do seu livro, bom poderia falar o dia todo de você, pois você e maravilhosa e muito especial para mim, te amo demais maninha não me canso de dizer o quanto tenho orgulho e me sinto privilegiada de ter você como irmã.
    Parabéns por tudo que você esta conquistando, te desejo todo o sucesso do mundo porque você merece.

    ResponderExcluir
  7. Parabéns Tati. Amei a entrevista. Muito bom conhecer um pouco mais de você. ❤❤❤❤

    ResponderExcluir
  8. Bhetys falando.... Que linda sua entrevista minha amiga! Te desejo todo sucesso do mundo! <3

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Parabéns! Amei a entrevista e tenho certeza que vou amar o livro. É isso mesmo! Os livros tem esse poder sobre a gente, nos fazem ver o mundo de outra forma e encontrar foças pra seguir lutando. É como digo em um de meus poemas:
    "... Nas páginas de um livro
    Respiro e vivo..."!
    Força sempre!

    ResponderExcluir

Comente com o Facebook: