quinta-feira, 22 de setembro de 2016

ENTREVISTA COM ANDRÉ C. F. SAMPAIO, AUTOR DE UMA ENCOMENDA PARA UM NOVO MUNDO

SINOPSE: Homem acorda do coma em um futuro muito distante daquele que possui recordações de ter vivido. Descobre um mundo renovado, onde as questões socioambientais são primordiais. Neste novo cenário o Brasil tornou-se o mais admirável país do mundo e as pessoas são educadas e altruístas. Enquanto recupera a memória o personagem desvenda seus vínculos e segredos implicados nessas modificações desconcertantes. O narrador se encontra no ano de 2333, suas recordações ficam distribuídas em capítulos que alternam momentos do passado e do presente, numa trajetória de vida de 350 anos.


Como surgiu a ideia de escrever "Uma Encomenda Para Um Novo Mundo”? O livro é a junção de várias ideias, pois é um emaranhado de situações e lembranças. De certa forma é autobiográfico. A ideia chave do livro me surgiu relembrando um acontecimento místico em minha infância, que não posso contar, pois seria um spoiler muito grande. Mais velho fiquei imaginando o que significava aquele acontecimento e acabou surgindo o livro.

Quanto tempo demorou para a história ficar pronta? O livro completinho de tudo demorou uns 5 anos, mas isso porque tive várias pausas e inúmeras revisões. Minha escrita acaba sendo mais esforço que talento, mas obviamente cheia de defeitos.

O que o leitor pode esperar de "Uma Encomenda Para Um Novo Mundo”? Um mundo de mistérios, um futuro de tecnologias possíveis, mensagens ambientalistas, divulgação científica, paixões e inúmeras reflexões.

Qual autor ou autora é seu preferido? Eles de alguma maneira te inspiraram a escrever? Tenho muitas influências e leio realmente de tudo, apenas Fanfic é um gênero que não me atraiu ainda. Vários autores de ficção científica no caso desse livro me influenciaram como Philip K. Dick, Ray Bradbury, Arthur C. Clarke, Haruki Murakami, Stephen King e Carl Sagan. Porém, no livro coloquei inúmeras citações de diversos autores magníficos que me inspiraram, inclusive contemporâneos como Mario Sergio Cortella. Um autor de grande influência, não em termos de enredo, mas de peso como grande incentivador foi meu amigo Marcos Peres, que escreveu dois livros premiadíssimos: O Evangelho segundo Hitler (que não tem nada de nazista) e Quem fim levou Juliana Klein?.

Se "Uma Encomenda Para Um Novo Mundo" pudesse ter uma trilha sonora qual música você escolheria? Essa é fácil, pois sou compositor e tenho uma carreira singela dentro da MPB e do indie brasileiro. Algumas músicas minhas foram inspiração de vários capítulos do livro. Aliás, faço muito isso, me inspiro em minhas próprias canções para escrever histórias. Coloquei no Wattpad um livro com meus poemas que viraram canções e lá também estão os links de acesso para ouvir as músicas. Portanto o álbum Emaranhado que lancei com minha banda (Deco Sampaio) seria uma boa trilha sonora.
Você segue carreira apenas como escritor ou tem outra profissão? Além de me aventurar na literatura, como disse, também sou compositor, mas o que me sustenta monetariamente é a engenharia florestal, pois atuou como consultor ambiental e professor. Pode-se dizer que sou um ativista ambiental, fundei uma ONG com grandes amigos chamada Sociedade Chauá e estamos realizando projetos amplos para a conservação da floresta com araucária.

Deixe uma mensagem para nossos leitores: É uma frase do livro: “A verdade pode mudar o mundo”.

André C. F. Sampaio (Deco Sampaio) tem 37 anos, mora em Maringá – PR e é Engenheiro Florestal, músico, professor e escritor. Doutor em Geografia pela Universidade Estadual de Maringá (UEM), autor de apostilas e livros técnicos da área ambiental. Artista independente da MPB, vencedor do concurso nacional A Música Transforma e de diversos editais culturais e festivais.

PARA LER "UMA ENCOMENDA PARA UM NOVO MUNDO" CLIQUE AQUI!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com o Facebook: