quinta-feira, 29 de setembro de 2016

ENTREVISTA COM LEDA FERREIRA, AUTORA DE MEU DOCE PECADO

SINOPSE: 

Pecado:
        *substantivo masculino;
        2. p.ext. desobediência a qualquer norma ou preceito; falta, erro.


Valentina Salles aprendeu que deveria correr atrás de todos os seus objetivos, e que tudo que ela quisesse, ela conseguiria, com garra e persistência. Foi assim que ela chegou como assistente dos irmãos Adler, donos de uma empresa de arquitetura e urbanismo. Desde que viu Henrique e Romeu, Nina tem escondido a atração que sente não por um, mais sim pelos dois irmãos, porém, agora trabalhando a quase um ano com eles, ela sente que a atração está ficando mais forte, crescendo tanto durante o dia, tanto a noite e quanto mais tempo passa com os chefes, mais atraída se sente, mas não se acha capaz o suficiente para atrair um deles, quem dirá os dois. Henrique e Romeu além de irmãos, amigos e parceiros nos negócios, são também parceiros em relacionamentos. Os irmãos namoraram Joana, e esse arranjo sempre foi bem fácil para eles, mas tudo se transformou quando Joana conseguiu destruir a união dos dois; e depois de algumas semanas sem se falarem, eles aprenderam que juntos são mais fortes do que qualquer mulher que tente separá-los. Agora, os dois se sentem confiantes o bastante para convencer Nina que o arranjo deles podem dar mais do que certo. Mas, em uma sociedade preconceituosa, uma empresa fofoqueira e uma ex querendo se tornar atual, quanto tempo o para sempre deles podem durar? O que é pecado para você? O mundo dita as regras para sua vida ou você cria suas próprias?


Como surgiu a ideia de escrever “Meu Doce Pecado”? Eu escrevo para colocar meu ponto de vista sobre algum tema desde muito cedo, porém só tomei coragem o suficiente para postar, graças a uma grande amiga, Ana Flavia, ela que me incentivou a colocar a cara no sol (Risos). Meu Doce Pecado surgiu em um hiatus que peguei depois de escrever meu primeiro livro, mesmo querendo uma pausa, não consegui ficar sem escrevê-lo, porque o enredo já vinha me atormentando há um tempo. Sempre acreditei que toda a forma de amor é válida, então ao optar por contar a história de um "casal de 3", decidi também que passaria para quem fosse ler toda a liberdade que meus personagens tem para escolher o que querem e que independente de qualquer opção, a pessoa tem que estar feliz consigo mesma; quebrar suas próprias algemas.

Quanto tempo demorou para a história ficar pronta? A história ainda não está concluída, comecei a postar a menos de três semanas, mas já tenho escrito cerca de 15 capítulos, e postados apenas 6,  então ainda tem muita coisa para acontecer na história.

O que o leitor pode esperar de “Meu Doce Pecado”? É estranho pensar por essa linha de raciocínio, cada um tem um ponto em que se identifica e que consequentemente vai acabar se tornando o tema do livro para ele, mas se eu fosse escolher três tópicos do que se pode esperar, eu destacaria: Muito Amor, Aceitação e Uma pitada de Sensualidade.

Qual autor ou autora é seu preferido? Eles de alguma maneira te inspiraram a escrever? Amo Nicholas Sparks, mais também gosto muito da forma como Becca Fitzpatrick e Megan Maxwell escrevem e tenho um carinho muito especial por Fernando Sabino e Clarice Lispector por ter sido apresentada aos seus livros ainda na pré-adolescência. Eles com certeza me inspiram, a forma como escrevem com verdade e emoção me comove sempre e é um exemplo para mim.

Se “Meu Doce Pecado” pudesse ter uma trilha sonora qual música você escolheria? Amo música e cada capítulo eu escrevo com um som diferente, mas eu optaria por All I've Ever Needed do Paul McDonald & Nikki Reed; Hands To Myself da Selena Gomez e The Only Exception do Paramore.
Você segue carreira apenas como escritor ou tem outra profissão? Não uso a escrita como profissão e agora estou me concentrando para o vestibular, Psicologia sempre foi meu sonho. 

Deixe uma mensagem para nossos leitores: Primeiramente queria agradecer o convite, sempre é um privilégio falar sobre livros, sendo meus ou não. Quero também pedir para que não desistam dos seus sonhos, ideias ou projetos; e coloque sempre a sua volta pessoas amigas, que confiam no seu potencial para as coisas que você irá fazer, eu tenho amigos que me deram forças para continuar escrevendo e correndo atrás dos meus sonhos e mesmo olhando a dificuldade que é ser escritor no Brasil, em questão de publicação, mantive minha visão apenas no que eu queria e meus ouvidos apenas nas coisas positivas. Aproveito a oportunidade também pra convidar a todos para acompanhar Meu Doce Pecado, entrem em meu perfil e conheçam também minha primeira história, me deem um oi. E venham conhecer essa doce e atrevida história, beijos e obrigada pelo espaço :)

Leda Ferreira tem 19 anos e mora em Pitangueiras - SP.

PARA LER "MEU DOCE PECADO" CLIQUE AQUI!

2 comentários:

  1. Mais uma vez muito obrigada pelo espaço, amei essa experiência, desejo muito sucesso ao seu blog, ele é maravilhoso para os amantes de livros e merece todo o destaque possível :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Leda, nós que agradecemos, foi uma honra te entrevistar S2 Desejamos todo o sucesso do mundo na sua carreira!!!

      Excluir

Comente com o Facebook: