segunda-feira, 21 de novembro de 2016

ENTREVISTA COM BECCA BONETTI, AUTORA DE O EDITOR

SINOPSE: “Maria estava sentada na beira da fonte mexendo na água; ela tentava se acalmar, visto que, nada a tirava do sério, a não ser, um certo homem de olhos azuis acinzentados e de voz grave que lhe tirava o sono e tomava conta de seus sonhos. (...) Ela se virou de repente e deparou-se com um André, sem gravata e paletó, parado a meio metro de distância e a fitando de uma maneira que fez com que seu coração batesse forte no peito. Seria possível amar menos alguém que, além de ser um colírio para meus olhos é um bálsamo para minha alma? Não, acho que não, pensou Maria, um pouco ofegante”. O amor é capaz de alcançar qualquer coração, até o mais frio. Porém, Maria não sabia ao certo se teria alguma chance com André, afinal de contas, além de ser o dono do Jornal onde trabalhava e de ser o homem mais desejável que já havia conhecido, em nenhum momento ele havia demonstrado qualquer interesse por ela. “André ficou olhando Maria se afastar. Ele não sabia dizer se agira certo ao beijá-la, já que era a irmã de seu melhor amigo, contudo, a única coisa que ele sabia era que demoraria muito para ele esquecer aquele beijo, ou talvez, não pudesse esquecer jamais.” Quem era essa mulher que fazia com que André se perdesse tanto em seus pensamentos? Que fúria era essa que lhe acometia cada vez que um outro homem se aproximava dela? Ah, mas ele não se permitiria amar de novo. Esse sentimento já lhe havia causado sofrimento demais no passado, e ele não estava disposto a passar por aquela humilhação novamente.


Como surgiu a ideia de escrever “O Editor”? Sinceramente, não faço a mínima ideia (risos). Um dia eu senti vontade de colocar no papel um sonho que tive (que cá entre nós, foi bastante incomum) e quando fui ver, escrevi os dois primeiros capítulos de O Editor... Meio que não planejei nada. Simplesmente a história ganhou vida por si só.

Quanto tempo demorou para a história ficar pronta? Então, ainda não a concluí. Creio eu que mais uns dez, ou quinze capítulos, eu a finalizo.

O que o leitor pode esperar de “O Editor”? O bom e velho clichê (sou apaixonada por clichês!), romance (por que sou uma romântica incurável!), pessoas que escondem cicatrizes na alma e não se abrem para deixar o passado no seu lugar, pois, assim, deixam de viver o presente e pensar no futuro.

Qual autor ou autora é seu preferido? Eles de alguma forma te inspiraram a escrever? Amo Jane Austen, Erin Morgenstern e Anne Fortier. De certa forma sim, mas quem me incentivou a escrever, e me inspira a continuar escrevendo, foi minha amiga - também escritora - Naiara Aimeé (ela também é escritora no Wattpad).

Se “O Editor” pudesse ter uma trilha sonora qual música escolheria? Sem dúvidas seria Can't Help Falling In Love do rei Elvis Presley!
Você segue carreira apenas como escritor ou tem outra profissão? Estudante conta como carreira (risos). Brincadeira. No momento sou só escritora.

Deixe uma mensagem para nossos leitores: Essa é difícil, mas vamos lá... Nunca desistam de seus sonhos, sejam eles quais forem. Sonhos são movidos pela fé, e fé move montanhas... Então, quando você menos esperar, eles serão realizados! Ah, antes que me esqueça, obrigada pela oportunidade!

Becca Bonetti tem 23 anos e mora em Colombo - PR.

PARA LER "O EDITOR" CLIQUE AQUI!


2 comentários:

Comente com o Facebook: