quinta-feira, 10 de novembro de 2016

ENTREVISTA COM CLÁUDIA MIQUELOTI, AUTORA DE A DEUSA DE ANÍLIA E OUTRAS HISTÓRIAS

SINOPSE: A Deusa de Anília: Um terrível dragão aterroriza a ilha. Krisna Rimeriano precisará de toda sua determinação e coragem para salvar sua amada ilha e conquistar o coração do valente Negro. A Maldição de Gohran: A cidadela de Manarga vive sob uma maldição imposta pelo temível dragão Gohran. O jovem Menetto e seus companheiros precisam ser bem sucedidos para que Manarga não desapareça. Mielim e a Harpa Encantada: A harpa dourada foi roubada, debaixo das orelhas pontudas dos Elfos de Lothuen. Bravos guerreiros saíram no encalço do ladrão. O inferno de Razhenda: O Reino de Razhenda foi devastado por Cormedhor de Austrúcia, um mago ensandecido, que vem se utilizando de seres humanos como cobaias para suas experiências cruéis. Tremaría e o Gigante da Montanha de Gelo: Uma terrível e monumental criatura, está aterrorizando os viajantes que precisam cruzar a Montanha do Vento Cortante. Kági, Dovan, Armando, Sáfio Liso e a doce barda Jocelyn precisam urgentemente de um trabalho, pois seus bolsos estão vazios. 


Como surgiu a ideia de escrever “A Deusa de Anília e Outras Histórias”? Durante um tempo fui jogadora de RPG e cheguei a mestrar uma campanha. Comecei escrevendo poesias sobre alguns jogos e depois decidi escrever o final de uma campanha abandonada. Assim nasceu Tremaría e o Gigante da Montanha de Gelo, última história do livro. As demais histórias vieram a seguir inspiradas em Magic The Gathering, um jogo de cartas de combate e de livros de fantasia como O Senhor dos Anéis.  

Quanto tempo demorou para a história ficar pronta? Como são 5 histórias, elas tiveram tempos distintos. Não mais que dois anos para terminá-las.

O que o leitor pode esperar de “A Deusa de Anília e Outras Histórias”? O livro é voltado para o público juvenil, de fácil leitura com personagens cativantes e muita ação. Nele, os leitores irão descobrir o valor da amizade, a coragem de se fazer o que se acredita como certo e viajar nos diversos mundos fictícios. A história principal é A Deusa de Anília. Uma ilha está sendo atacada por uma criatura ancestral, um dragossauro (mistura de dragão e dinossauro). Krisna Rimeriano é uma jovem com mais de 300 anos que é considerada pelo seu povo como uma deusa, pois sempre protegeu a todos e reinou com sabedoria. Um mago, antigo conhecido dela, invade a ilha com intenção de tomar-lhe o poder. Ela precisará da ajuda de todos e de um desconhecido andarilho para derrotar o mago e a criatura. Todas as histórias são de aventuras o que agrada o leitor por não ser muito descritivo.

Qual autor ou autora é seu preferido? Ah, isso é complicado. São tantos! Rs  Mas vou falar dois, um nacional e outro internacional ok. Nacional: Keila Gon (Trilogia das Cores), internacional: Neil Gaiman.

Eles de alguma maneira te inspiraram a escrever? Sim, de todas as formas. A Keila consegue com sua fantasia e romance fazer com que eu sempre tenha esperança de que as histórias podem ser belas mesmo sendo cruéis. Gaiman é meu lado obscuro. Suas histórias cativam e me fazem querer criar personagens enigmáticos, mundos complexos e sentimentos conturbados.

Se “A Deusa de Anília e Outras Histórias” pudesse ter uma trilha sonora qual música você escolheria? Mirror Mirror – Blind Guardian. 
Você segue carreira apenas como escritor ou tem outra profissão? Seguir carreira como escritor no Brasil é ser quase um herói. Quando comecei a publicar meus livros já estava trabalhando e, logo depois, lecionando. Faz 14 anos que sou digitadora em uma instituição de ensino particular e a 2 anos sou professora de Japonês em um curso de línguas.

Deixe uma mensagem para nossos leitores: Agradeço a todos por lerem essa entrevista e venho pedir um favor: leiam mais livros nacionais. Há uma gama de histórias divertidas, muitas aventuras e romance que irão com certeza agradá-los. Escolha o seu estilo literário favorito e viaje por mundos fictícios com coragem e determinação. Saiba mais sobre o livro A Deusa de Anília e Outras Histórias no Facebook e no Skoob. Desejo a todos ótimas leituras. Porque ler é viajar na imaginação e é uma viagem maravilhosa. Arigatou gozaimashita! Kisu! J

Cláudia Miqueloti tem 43 anos e mora em Nova Iguaçu - RJ.

PARA LER O PRIMEIRO CAPÍTULO DE "A DEUSA DE ANÍLIA E OUTRAS HISTÓRIAS" NO WATTPAD CLIQUE AQUI!

PARA COMPRAR "A DEUSA DE ANÍLIA E OUTRAS HISTÓRIAS" CLIQUE AQUI!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com o Facebook: