segunda-feira, 14 de novembro de 2016

ENTREVISTA COM SOCORRO ARAÚJO, AUTORA DE UMA CHANCE PARA A ESPERANÇA

SINOPSE: O medo do presente devido ao passado. Ester e Pedro são dois irmãos que tiveram suas vidas marcadas por traumas e feridas que não cicatrizaram com o passar dos anos. Mesmo sendo bem-sucedidos e conhecidos por serem bons filhos e amigos leais, criaram barreiras emocionais difíceis de desfazer. Após um assalto, a perspectiva de vida de Pedro muda totalmente. Dois anos depois, o jovem se vê num momento de sua vida que precisa decidir o que fazer: parar e desistir ou lutar contra as barreiras físicas e emocionais que o impedem de prosseguir. Ester é uma garota linda que se preocupa em ajudar os outros, mas não consegue lidar com seus próprios traumas. Algo que aconteceu em seu passado a impede de viver um grande amor. Quando um jovem ousado surge em sua vida, uma batalha começa a ser travada em seu coração. Ao mesmo tempo, um segredo familiar guardado ferozmente por sua mãe ameaça a paz que ela tanto busca. Ester e Pedro. Dois irmãos, duas histórias diferentes, muitas pessoas envolvidas... Em meio a um segredo guardado a sete chaves, violência, medos profundos, abandono, traição e incredulidade, haverá alguma chance para a esperança?


Como surgiu a ideia de escrever “Uma Chance Para a Esperança”? Eu sempre fui uma leitora voraz, então decidi que gostaria de criar minhas próprias histórias. Eu queria falar sobre situações da vida, onde se pudesse exercer a fé em Deus, onde os problemas não fossem obstáculos capaz de nos fazer parar... Assim, nasceu essa história, com muitos personagens e muitas reviravoltas, onde se é possível acreditar que, de fato, a esperança é a última que morre!

Quanto tempo demorou para a história ficar pronta? Em média quatro meses, mas passei aproximadamente um ano reescrevendo, revisando e corrigindo o manuscrito.

O que o leitor pode esperar de “Uma Chance Para a Esperança”? Uma história de lutas, amor, fé, esperança... Onde os personagens enfrentarão situações difíceis e terão que escolher entre continuar ou desistir.

Qual autor ou autora é seu preferido? Eles de alguma maneira te inspiraram a escrever? Robin Jones Gunn; Francine Rivers; Tânia Gonzales; Gleize Costa; Hêzaro Viana... São alguns dos autores que mais me inspiram, pois falam muito de amor, redenção, segundas chances... Isso me toca e desejo tocar outras pessoas da mesma forma!

Se “Uma Chance Para a Esperança” pudesse ter uma trilha sonora qual música você escolheria? São tantas!! J Mas vou citar três... O Meu Querer (P. C. Baruk); Choro de Uma Criança (Ton Carfi); e Toda Dor é Por Enquanto (Marcos Almeida).
Você segue carreira apenas como escritor ou tem outra profissão? Além da escrita, dou aula para crianças e faço parte de um projeto social chamado Adonia. 

Deixe uma mensagem para nossos leitores: Leitores, as situações difíceis da vida vêm para nos fazer mais fortes, não desista frente a elas. Seja um guerreiro, lute e vença, sempre lembrando que Deus lutará ao seu lado, se você permitir. Lembre-se, não importa o grau de suas guerras, sempre haverá uma chance para a esperança!

Socorro Araújo tem 23 anos e mora em Teresina - PI.

PARA LER "UMA CHANCE PARA A ESPERANÇA" CLIQUE AQUI!

5 comentários:

  1. Muito bom conhecer um pouquinho mais sobre o livro, Socorro. Parabéns! Que Deus continue te enchendo de inspiração e graça.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Arlene! :D
      Deus te abençoe também, um abraço!!

      Excluir
  2. AMEEEEEEEIIIII!!!! PARABÉNS AMIGA, DESEJO MUITO SUCESSO E QUE ACIMA DE TUDO O NOME DE JESUS SEJA GLORIFICADO EM TUDO QUE FIZER! BJINHS, LIDAYANA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga! Muito obrigada... Tão linda você!
      Um beijo!

      Excluir
  3. Ei, Socorro, finalmente achei essa sua entrevista! Sempre parabéns pelo livro, minha amiga, e obrigado por citar meu nome; um prazer inigualável ajudar e inspirar assim como sou ajudado e inspirado por outros. Abração.

    ResponderExcluir

Comente com o Facebook: