sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

ENTREVISTA COM LUIZ FERNANDO TEODÓSIO, AUTOR DE MAGO MARTEL

SINOPSE: A história incoerente desse jovem, Marcos Martel, é uma ofensa à natureza da raça nerikiana. Personagem oriundo da casta mais baixa de Nerikia, ele sonha se tornar aquilo que só indivíduos de castas superiores têm a capacidade de ser: um aurano. Para isso, Marcos se atreve a prestar o exame para a Universidade da Aura, e essa decisão ocasiona severas consequências para ele e, principalmente, para o país. Embora a premissa de sua história seja igual a tantos outras já apreendidas em Nerikia, ela destaca-se pela ousadia em apresentar um caminho narrativo distinto e uma solução inusitada para seu conflito. As páginas que escreveu aqui são dignas de uma literatura tendenciosa que busca fermentar na mente do leitor aquelas sementes de insurreição tão nocivas à ordem de nossa sociedade. 

Como surgiu a ideia de escrever “Mago Martel”? Este livro é uma nova tentativa de alavancar um cenário de fantasia que desenvolvo há mais de dez anos, inspirado em uma era tecnológica razoavelmente avançada, como a da nossa segunda metade do século XX. A proposta inicial era criar uma série literária, mas conforme fui trabalhando em diversos pontos de partidas para ela, percebi que minhas ideias eram pretensiosas demais para um autor de primeira viagem e de que precisava de um livro com começo, meio e fim. Foi dessa necessidade que concebi as primeiras ideias para “Mago Martel”.

Quanto tempo demorou para a história ficar pronta? A história ainda está sendo escrita, e sequer cheguei em sua metade. Mas ela demorou quase um ano para tomar forma na minha cabeça, ou seja, para construir um plot definido, saber os rumos da trama e seus personagens. Sou bastante perfeccionista e reviso diversas vezes um capítulo escrito antes de publicá-lo para leitura na internet, nas plataformas do Wattpad e do Nyah Fanfiction. O planejamento é importante para que eu não me arrependa de algum detalhe que tenha escrito e necessite alterar de forma significativa algum trecho já publicado.

O que o leitor pode esperar de "Mago Martel"? Eu gosto de romances de fantasia com bons enredos e que façam um bom uso da linguagem. Quando forma e conteúdo se misturam na escrita de maneira orgânica, uma característica potencializa a outra — a trilogia de “As Crônicas do Matador do Rei”, de Patrick Rothfuss, é um bom exemplo. Se eu conseguir realizar o mesmo com esse livro, o leitor poderá esperar essa particularidade de “Mago Martel”, que será uma fantasia um pouco mais pé no chão, focado nas dificuldades e dramas de quem almeja a muito custo realizar um sonho na vida. Quem sabe esse livro, talvez, também não inspire os sonhos de algum leitor.

Qual autor ou autora é seu preferido? Sem dúvida, Neil Gaiman. Embora eu não conheça tão a fundo as suas obras, é inegável que ele é um dos nomes mais importantes do gênero fantástico atualmente. Admiro-o tanto por suas obras quanto pela forma como ele encara a arte. Seu discurso de formatura, em que ele enfatiza o “faça boa arte”, foi uma das coisas mais edificantes que ouvi na vida.

Eles de alguma maneira te inspiraram a escrever? Além do “faça boa arte” do Gaiman, quando eu leio alguma passagem sensacional de um livro, eu me sinto tentado a escrever algo tão incrível quanto. É a mesa coisa que o Stephen King disse em seu livro “Sobre a Escrita”: “Ser emocionalmente atingido pela combinação de grande história com grande escrita — ser humilhado, na verdade — faz parte da formação necessária a todo escritor”.

Se "Mago Martel" pudesse ter uma trilha sonora qual música você escolheria? Como eu gosto muito de animes, acabo escrevendo alguns trechos enquanto ouço suas trilhas sonoras. Fazendo um exercício de imaginação, se eu tivesse de escolher uma música de abertura para um anime de “Mago Martel”, seria a 15º abertura de Fairy Tail.
Você segue carreira apenas como escritor ou tem outra profissão? Prestes a terminar minha faculdade de Letras, também estou tentando atuar como revisor, mas é uma área difícil de se firmar. 

Deixe uma mensagem para nossos leitores: Se você leu até aqui, fico agradecido. Caso tenha sentido alguma curiosidade com o que escrevi, por favor, dê uma chance para o meu projeto. Ele está sendo postado em uma periodicidade bem razoável no Nyah e no Wattpad, para que os leitores possam acompanhá-lo em um ritmo tranquilo. Continuem acompanhando também este ótimo blog, que ajuda na divulgação de muitos autores nacionais que merecem uma oportunidade de serem reconhecidos por seu trabalho. Grande abraço!

Luiz Fernando Teodósio tem 26 anos e mora no Rio de Janeiro - RJ.

PARA LER "MAGO MARTEL" NO WATTPAD CLIQUE AQUI!

PARA LER "MAGO MARTEL" NO NYAH CLIQUE AQUI!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com o Facebook: