quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

RESENHA DO LEITOR: CRÔNOMIS

SINOPSE: Acordar ferido e sem memória parece a pior coisa que pode acontecer. No entanto, o mundo de Crônomis já oferece riscos para quem o conhece, muito mais a um magrelo desmemoriado. Com o vazio em seu interior, a se sentir inútil e covarde, Zheth vivencia desventuras cheias de tensão e perigo conforme cruza o caminho com as mais improváveis criaturas e as mais amargas descobertas. Para dar o próximo passo, será necessário enfrentar medos e dúvidas, encontrar motivo e coragem para não desistir, e aprender que bons e maus existem em todos os lados.


Ei pessoas! Tô aqui novamente, rs. Hoje vamos conhecer um pouco (sim só um pouco, porque corro o risco de falar demais aqui sobre o livro) Crônomis da Julie T (para ler a entrevista que autora deu para o blog, clique aqui). Quando comecei a ler esse e-book tive uma certa dificuldade de engrenar na leitura. Coisa que nunca tinha acontecido. Mas a culpa não foi da história em si. Foi minha mesmo! Tanto que logo a leitura foi que foi. Crônomis conta a história de um Rapaz Misterioso. Esse tal rapaz surge de forma misteriosa (é por isso misterioso kkkk) em Crônomis. 

Crônomis é meio que um mundo (foi assim que entendi e imaginei). E Zheth (nome que deram para o rapaz misterioso) não pertence ao local que ele foi achado quase morto. O leitor logo percebe isso, pois ninguém o conhece e também, ele é diferente de todos. O jovem rapaz é acolhido e cuidado pela família de Mjehad. Já falei que esses nomes complicados me lembraram de Magnus Chase? Pois então, me lembraram e muito!

Mas, voltando ao enredo... Zheth, ao ficar melhor de saúde começa a estudar os mapas desse “mundo” . Ah, preciso compartilhar isso... Nessa parte lembrei muito de Dragões do Éter – Raphael Draccon, em Dragões também existe vários mundos. Mas deixa eu continuar, rs. Zheth ficou bom, e já estudou bastante... Então ele sai em busca de respostas! É ai que toda a aventura começa...

Uma das coisas que achei legal foi ele poder se comunicar com um animal chamado Graustro. Juntos, Zheth e Grautro se veem em algumas situações que dá até para rir... Vou parando por aqui... pois posso terminar contanto de mais. E Crônomis merece ser lido! Gostei da história e da escrita da Juliaapesar de ter VÁRIOS nomes complicados, rs – só uma coisa que me incomodou um pouco... Alguns capítulos podiam ser unidos. Fiquei com a sensação de quebra de capitulo. Entretanto, tirando isso gostei de tudo, do desenrolar ao final.

VITAMINAS: 



RESENHA ESCRITA POR: RENARA CABRAL PEREIRA PAVEZ
24 anos, capixaba e casada. Formada em pedagogia. Amo ler e dar aula. A leitura me faz viajar!

Um comentário:

  1. Agradeço muito! Fiquei feliz! <3 Depois vou analisar a junção de capítulos! Agradeço muito mesmo por dedicar seu tempo à leitura, e muito mais por suas palavras! <3 <3 <3

    ResponderExcluir

Comente com o Facebook: