sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

ENTREVISTA COM ANNE N., AUTORA DE MAR DE TUBARÕES

SINOPSE: Ela não sabia nadar, mas saiu da água domando as feras do mar. Ele não conhecia o amor, ela não conhecia a vida. Phillip era uma muralha de gelo, mas Annie com seu amor altruísta vai fazer essa geleira derreter. Uma história de amor que desperta os sentimentos mais intensos e desenterra e enterra os segredos mais obscuros.



Como surgiu a ideia de escrever “Mar de Tubarões”? A ideia surgiu depois de um sonho que eu tive, o mesmo sonho do prólogo, então na mesma época comecei a assistir a série The Red Road com Jason Momoa e fiquei completamente apaixonada pelo personagem dele, ele era um bandido mas que no decorrer da série foi se redimindo. Aí comecei a montar toda a história baseada no sonho e na série. Tanto que o nome é o mesmo do personagem da série e também escolhi Jason Momoa para representar o meu Phillip.



Quanto tempo demorou para a história ficar pronta? Eu comecei a escrever em Junho de 2015, finalizei em dezembro de 2016, mas ainda acho que pode ser aperfeiçoada, então estou na dúvida se volto a alterá-la ou não.

O que o leitor pode esperar de "Mar de Tubarões"? Como todo o romance, tem os seus clichês, mas também tem os segredos que são revelados no decorrer da história e não falta aquela pitada de drama. Tenho tido um bom retorno dos meus leitores no Wattpad.

Qual autor ou autora é seu preferido? Comecei lendo Tolkien, os primeiros livros que comprei foi a trilogia do "O Senhor dos Anéis", foi ele que me apresentou o mundo mágico dos livros.

Eles de alguma maneira te inspiraram a escrever? De certa forma sim, eu sempre tive muitas ideias pra história na cabeça, mas nunca parei para explorá-las, depois de ler bastante eu comecei a fazer rascunhos, e Mar de tubarões começou assim com parágrafos aleatórios no Word. Agora me sinto pronta para passar para o papel as ideias que surgem na minha cabeça.

Se "Mar de Tubarões" pudesse ter uma trilha sonora qual música você escolheria? Tem uma música em especial que de certa forma mudou a minha vida, eu a conheci num momento bem crucial pra mim, foi quando também comecei a escrever a história, aí ela virou a trilha de um momento especial de Phillip e Annie. Tem muito a ver com a história, a começar pelo nome: Fjara, que significa praia em Islandês. A música meio que descreve o que Phillip sentia. A banda é da Islândia e se chama Sólstafir.
Você segue carreira apenas como escritor ou tem outra profissão? Seria ótimo poder viver do que se ama fazer, quem sabe um dia, não afasto essa possibilidade. Mas no momento divido meu tempo em escrever e papelada de contabilidade.

Deixe uma mensagem para nossos leitores: Primeiramente quero parabenizar o blog, logicamente, as pessoas por trás dele, que apostam na gente, que dão essa super força, obrigada de coração. Aos leitores, obrigada por deixar que levemos um pouco da nossa loucura e magia pra vocês. Fico extremamente feliz por cada visualização, voto e comentários no Wattpad, em um futuro próximo espero estar com meus tubarões em livro físico, pra isso acontecer preciso da força de todos vocês.

Anne N. tem 29 anos e mora em Manaus - AM.

PARA LER "MAR DE TUBARÕES" CLIQUE AQUI!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com o Facebook: