quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

PRIMEIRAS IMPRESSÕES: CINTILANTE I

Oi minha gente! Mais uma semana! E hoje vamos falar sobre minhas primeiras impressões com Cintilante I, um livro de fantasia. Eu amei os primeiros capítulos que li, realmente fiquei muito interessada na história e minhas expectativas são as melhores possíveis! Bom, Alex é um jovem estudante de Direito que foi criado pela mãe e só tinha contato com o pai em suas férias de verão, quando ia para a fazenda em Laguna (e ele odiava isso). Seu pai é um dos maiores produtores de flor da cidade, é bem reconhecido por isso, mas infelizmente, dá mais atenção aos negócios do que o próprio filho.  E hoje, após a morte de sua mãe, Alex fez uma promessa que iria morar com o pai, talvez não cumpra o prometido por completo, pois a vontade dele é ir embora daquela cidade, assim que terminar a faculdade.


Logo no início somos surpreendidos pela abordagem. A narrativa se inicia em um acidente de moto sofrido por Alex, ele é socorrido por um vizinho que presencia o acidente e ajuda levando-o até o hospital, e apesar da gravidade, ele sofre apenas escoriações e uma dor no pescoço. Mas Alex viu algo diferente na estrada, algo que talvez tenha salvado a sua vida, o tendo deixado inteiro após o susto de quase bater em uma arvore junto com sua moto. Alex pensa que talvez aquela imagem seja fruto de sua imaginação, pois parecia realmente inacreditável, será que seu vizinho tinha visto o mesmo que ele? Octavio, pai de Alex, está preocupado com o filho apesar dele não achar que o pai tem grandes emoções por ele, pela falta de intimidade dos dois. Alex não o chama de pai e acaba tratando a governanta Matilda com muito mais carinho, ela o trata como se fosse um filho e agrada o seu menino sempre com torta de morango fresquinha.  


Com uma rápida recuperação, Alex resolve andar com seu cavalo chamado Arredio pelos entornos da fazenda. Andou muito, ficou sem rumo, mas, teve uma grata surpresa, através da mata, foi entre arvores, flores e pássaros, deu de encontro com uma bela cachoeira, resolveu aproveitar daquela água maravilhosa e como um passe de mágica ele a avistou novamente, ali pertinho dele, a mesma que tinha visto no dia do acidente, uma mulher linda, de olhos verdes expressivos. Ela existia e não era fruto de sua imaginação. Ela existia e sabia seu nome. Após encarar por um instante a moça, ela tocou o seu rosto, ela era de verdade. Eva, assim se apresentou a moça misteriosa usando um vestido com uma rosa vermelha nas mãos. Mas, infelizmente não deu muitas explicações ao rapaz e o faz partir deixando-a sozinha. Alex tentou voltar a sua rotina, mas ainda com o pensamento em Eva. Convidou seus amigos para conhecer a cachoeira perto da fazenda, apenas uma de suas amigas de faculdade, a Suelen pôde acompanhá-lo. Alex pôde perceber a beleza de uma garota como Suelen e se sentiu atraído por ela, eles se beijaram, no mesmo momento Alex a viu novamente, como num relance, não conseguiu alcançar Eva do outro lado da cachoeira. Suelen não entendeu o comportamento dele. Eva fugiu, mas Alex teve a certeza “ela era real”.


Gente, já quero ler essa história!!! Será que Alex encontrará Eva novamente? Como dará explicações a Suelen? Como será o relacionamento com seu pai? Já quero saber tudooo!!!! Gostei muito da leitura, diálogos diretos e uma escrita muito clara. Fiquei imaginando como é a fazenda com suas estufas, cheias de flores, deve ser linda...

ESCRITO POR: GREISI SILVA

28 anos, administradora e artesã nas horas vagas, apaixonada por leitura e artes, não vivo sem música, poesia e cinema. Descobri que viajar é preciso e comer pipoca é fundamental para se ter boas ideias.

PARA COMPRAR "CINTILANTE I" CLIQUE AQUI!

4 comentários:

  1. Já falei que amo sua escrita? Quero muito tbm saber como essa história se faz no final !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que delícia de resenha!!! Fico feliz que gostou Renara!! Mil beijos!!!����

      Excluir
  2. Obrigada pela resenha Greisi!! Abraços...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Isa! Curiosa para ler seu livro! Beijos

      Excluir

Comente com o Facebook: