terça-feira, 23 de maio de 2017

ENTREVISTA COM WELLINGTON OLIVEIRA, AUTOR DE O JARDINEIRO AMADO

SINOPSE: Uma nova vida na zona rural da cidade com o seu marido desinteressante e sua problemática filha adolescente é o ponto de partida que a dona de casa Medeia precisava para dar inicio a uma aventura cheia de mistério, perigo e prazer.


Como surgiu a ideia de escrever "O Jardineiro Amado”? Com certeza a inspiração veio do misto da minha grande admiração pelo texto de dramaturgia (as novelas, principalmente as novelas das 21h) e as obras do gênero erótico. Eu queria escrever um texto que trouxesse o melhor do "novelão", os melhores ingredientes deste gênero que cativa milhões de pessoas e adicionar pitadas de literatura erótica. Eu nunca havia escrito nada do tipo e como amo desafios, eu fiz esta proposta para mim. Felizmente funcionou. Tive muita diversão escrevendo e fiquei orgulhoso do resultado final, assim como da participação dos leitores (com reações, comentários) ao longo do processo.

Quanto tempo demorou para a história ficar pronta? Eu fiz algo um tanto diferente. Hoje a estória está completa, mas de início eu fui postando aos poucos em formato de capítulos de uma série (com divisão de temporadas e tudo mais) na plataforma de leitura online Wattpad. Essa rotina foi ótima porque me deu o comprometimento de escrever todos os dias. Levou uns três meses, mas como houve as lacunas de tempo entre as temporadas, fica difícil estipular ao certo quantos dias corridos e sem interrupção eu levei para completar a trama.

O que o leitor pode esperar de "O Jardineiro Amado”? Muitos trechos quentes, muito suspense, surpresas ao fim de todo e cada capítulo, a vilã mais malvada e insana de todas e amor, claro.

Qual autor ou autora é seu preferido? Eles de alguma maneira te inspiraram a escrever? Amo Ira Levin (autor de "O Bebê de Rosemary" que segue sendo o meu livro favorito de todos os tempos). Sem dúvida a forma como o Ira constrói o suspense ao longo das páginas de suas obras me inspira nos meus trabalhos.

Se "O Jardineiro Amado" pudesse ter uma trilha sonora qual música você escolheria? Ludovico Einaudi – Divenire.
Você segue carreira apenas como escritor ou tem outra profissão? Sou professor de Inglês e hoje atuo como coordenador pedagógico em um curso de idiomas.

Deixe uma mensagem para nossos leitores: Espero que embarquem no mundo sempre cheio de emoções de "O Jardineiro Amado". Também aproveito para convidar todos a conhecer e acompanhar a minha página de autor. Estou sempre postando novidades por lá sobre os meus novos projetos, assim como um monte de coisas legais relacionadas ao mundo da literatura e arte em geral.

Wellington Oliveira tem 24 anos e mora em Cabo Frio - RJ.

PARA LER "O JARDINEIRO AMADO" CLIQUE AQUI!

PARA VISITAR A FAN PAGE DO AUTOR CLIQUE AQUI!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com o Facebook: