terça-feira, 11 de julho de 2017

ENTREVISTA COM JADNA ALANA, AUTORA DE A PRINCESA DE ÔNIX

SINOPSE: Em um mundo onde a magia é possível, Sete Reinos foram criados pela Trindade Iniciadora. Eles foram representados por espécies mágicas diferentes e a lei e o poder foi a única verdade absoluta para ser vivida durante os últimos séculos. No Reino de Ônix, a princesa bruxa Amie Bell, acaba de completar dezoito anos de idade. Uma data que deveria ser comemorada com muita alegria, mas que acaba se tornando o pior dia da vida dela. Encurralada por um feitiço que deu errado, a jovem embarca em uma aventura onde descobrirá o que existe além dos muros do palácio onde viveu a sua vida inteira. Terá que despertar suas habilidades para sobreviver sem todos os caprichos que tinha como princesa e terá que lutar por sua sobrevivência com a ajuda de um Clã que vive contra as leis de Olivarum. Você está pronto para encarar essa aventura? Lembre-se: Se fizer a escolha errada, tudo pode acabar.


Como surgiu a ideia de escrever "A Princesa de Ônix"? Digamos que eu estava na aula de literatura na universidade, com os pensamentos voando em qualquer dimensão menos a nossa (como sempre) e acabei me deparando com algumas ideias, então, ao invés de prestar atenção, peguei o caderno e comecei a anotar todas as ideias iniciais.

Quanto tempo demorou para a história ficar pronta? Bom, o livro em si, sem correções, ficou pronto em dois meses. Acabei me empolgando com a opinião dos leitores betas e escrevi tudo muito rápido. Claro, depois fui arrumando alguns detalhes.

O que o leitor pode esperar de “A Princesa de Ônix”? Muita magia, um mundo cheio de mistérios e segredos bem guardados, uma pitadinha de romance com uma mistura de drama, suspense e muita aventura. Os leitores encontrarão de tudo um pouco e conhecerão personagens únicos. Estou muito ansiosa para saber a opinião de todos vocês e saber se toda essa mistura teve um resultado bom.

Qual autor ou autora é seu preferido? Eles de alguma maneira te inspiraram a escrever? Sem sombra de dúvidas a J.K. Rowling. Ela me inspira em todos os sentidos. Tanto na forma única de colocar as palavras em um livro, como na forma de transmitir a vida em um mundo fictício. Eu tenho ela como inspiração porque vejo nela não só uma escritora, mas uma mulher perseverante e que não desistiu de seus sonhos e hoje é o que é.

Se "A Princesa de Ônix" pudesse ter uma trilha sonora qual música você escolheria? Tenha certeza que tenho uma playlist cheia de músicas que fizeram parte do meu processo de escrita e também de algumas cenas do livro. Eu também escrevi músicas próprias para o livro, para o deixar ainda mais recheado (risos). Mas, se eu fosse escolher uma música que o resumisse, escolheria Lost da Banda Within Temptation. Primeiro porque amo eles de coração e segundo porque tem muito a ver com dois personagens que gosto muito.
Você segue carreira apenas como escritor ou tem outra profissão? Por enquanto eu não estou trabalhando em nada, só escrevo e estudo, mas planejo ser professora de português e claro, continuar com minha carreira de escritora.

Deixe uma mensagem para nossos leitores: Acredito que os leitores são o que nos move, os que nos motivam e nos fazem ter certeza do caminho que queremos seguir. Portanto, se eu for dizer alguma coisa para eles se resumiria em: obrigada. Obrigada por tudo que nos proporcionam e por todo apoio que nos dão. Quero também dizer que não desistam em hipótese alguma dos seus sonhos. O impossível só existe para aqueles que acreditam nele. Sonhem, sonhem e conquistem muito!

Jadna Alana tem 20 anos e mora em Nova Palmeira - PB.

PARA COMPRAR "A PRINCESA DE ÔNIX" CLIQUE AQUI!

2 comentários:

  1. Que entrevista linda! Muito obrigada pelo convite! Fiquei muito, muito honrada! Vocês são ótimos! Abraços.

    ResponderExcluir

Comente com o Facebook: